7/04/2006

E agora...um clássico!

Mais do que um disco, este álbum de Jorge Ferreira é um momento de ouro da música portuguesa. E a música Papai é um verdadeiro clássico, uma daquelas músicas que ainda hoje, ao ouvi-la - depois deste tempo todo - me emociona. Esta música marcou a minha infância/adolescência e agradeço aqui ao Ricardo Abreu, leitor deste blog por me ter enviado esta pérola.
O que distingue estas músicas dos outros duetos entre pai e filha, para mim é a fantástica interpretação da filha de Jorge Ferreira, que infelizmente não sei o nome. Nota-se que ela era ainda muito nova quando gravou este cd, mal ela sabia que estava a participar num momento nobre da música em Portigal. O seu sotaque açoreano dá um toque de distinção a esta música, ao ouvir esse sotaque sabemos logo que se trata de uma obra do nome maior das nossas ilhas (esqueçam lá o Pauleta). Toda a música é enternecedora, ver o amor entre pai e filha é das coisas mais bonitas do mundo, e apesar de a música ter sido gravada à pressa, devido a filha estar atrasada para a escola, esse é o momento que mais me enternece nesta música, a altura que a filha se vira para o pai e diz: "Daddy, é tarde, tenho que ir para a escola". Este é o momento alto da música, reparem no sotaque empregue na palavra escola. Maravilhoso! O Pai lá a consegue fazer cantar mais um bocado, mas nota-se que a partir dai tentam despachar a coisa, e a música entra num fade-out que faz com que eu os visualize, de mão dada a afastarem-se em direcção à escola.

É com uma honra imensa que vos deixo aqui para apreciarem esta música, aqui numa reedição de 1992, que se intitula de Papai.

40Pessoas cantarolaram ao som desta música:

At 7/04/2006 12:53:00 PM, Blogger Menino said...

'Mágico', é o termo :)

 
At 7/04/2006 03:59:00 PM, Blogger Wasco said...

Boas! Antes de mais nada quero deixar aqui os parabens pelo Blog! Divino!
Depois quero referenciar o Jorge Ferreira como o musico da minha infancia! Fui emigrante e claro esta, o primiro "concerto/baile" a que fui foi dele!

 
At 7/04/2006 04:45:00 PM, Blogger padreca domingas said...

Ó tino_de_rans....é pá, desculpa se isto é anti português o que vou dizer...mas nunca vi coisa mais foleira!!!
respeito imenso o que os outros fazem...mas não queiram que dê o amem.....apesar de ser padreca!!!

 
At 7/04/2006 04:53:00 PM, Blogger Tino_de_Rans said...

Nem toda a gente tem a erudição necessária para compreender obras deste calibre. Para mim está no top5 das minhas músicas preferidas.

 
At 7/04/2006 05:10:00 PM, Blogger SA said...

a do "daddy tenho de ir para a escola" é uma pérola. lolol

 
At 7/04/2006 06:11:00 PM, Anonymous mosqueteira27 said...

Ai o pa... eu tinha esta cassete... acho que a gastei de tanto ouvir esta musica!! E na altura ja tinha 11 anos! :P

 
At 7/04/2006 06:29:00 PM, Anonymous josé antónio torres said...

Depois de ler a noticia no jn nem queria acreditar q isto existisse e resolvi passar por cá.Realmente a minha onda musical é mais hard rock e heavy metal,no entanto dou razao ao autor do blog pois existem vàrios tipos de musica portuguesa:a boa, a musica ligeira, o fado e a péssima como o pimba, no entanto parece me q este blog fala da musica ligeira antes de aparecer essa pimbalhada toda q anda por ai.mas mesmo na musica ligerira há muita porcaria e ja vi disso por aqui.mas axo bem q as pessoas q gostam deste tipo de musica o assumam..........

 
At 7/04/2006 06:46:00 PM, Blogger Tino_de_Rans said...

Quando me vem alguém dizer que gosta de boa música, e depois junta as palavras Hard Rock e Heavy Metal só me dá vontade de rir. Mas tudo bem, compreendo que haja quem goste, e ainda bem que o assumem.

 
At 7/04/2006 07:03:00 PM, Blogger Pedro Dinis Ferreira said...

Haha, metal is the law. Not.

Tino, faz lá novo post com as 3 que te mandei :D

 
At 7/04/2006 09:46:00 PM, Blogger Pistolero said...

Um disco excelente cantado por uma joia de moço.
Um grande abraço e para quando um Rock in Rio com Leonel?

 
At 7/05/2006 12:05:00 PM, Blogger maçã said...

eeheh gostei da resposta ao metaleiro. Eu, por exemplo, tenho formação musical clássica e jazz e sou de uma família de músicos que tocaram com o Sérgio Godinho entre outros. E mesmo assim, mesmo tendo estado toda a vida exposta a música que considero de qualidade, reconheço também a qualidade da música ligeira portuguesa, ou "música de arraial" como eu lhe chamo. Cumpre perfeitamente o objectivo a que se propõe, é divertida, e assumo que na agencia onde trabalho ouvimos no volume máximo artistas como bandalusa, diapasão, leonel nunes, nel monteiro e tantos outros para "aligeirar" o ambiente. e o trabalho sai muito melhor!
parabéns pelo teu blog, está muito bom mesmo, quando ouvi falar dele pensei que fosse a atirar para o "alarve" mas afinal o portal pimba está muitissimo bem escrito e com muito nivel mesmo.

já agora, para quando um posto sobre o desgraçado do Graciano Saga e "Vem devagar emigrante"?

 
At 7/05/2006 02:06:00 PM, Blogger Tino_de_Rans said...

Obrigado maçã, gostei do teu comentário, quanto ao Graciano Saga, tenho recebido carradas de emails a pedirem para falar de Graciano Saga, ao que eu pergunto: Falar o quê??? Toda a gente o conhece, o Vem devagar imigrante tornou-se uma das músicas mais conhecidas em Portugal. Eu aqui tenho como política falar de nomes mais desconhecidos, procurar dar voz aqueles que não a têm nos outros meios de comunicação. Portanto não faz sentido falar do Vem devagar emigrante. Mas não está excluída a hipotese de falar de outras músicas do Graciano...o Vem devagar emigrante é que não, lamento!

 
At 7/05/2006 03:46:00 PM, Anonymous ricardo a. said...

é um tema comovente, sem duvida :')

 
At 7/05/2006 04:37:00 PM, Blogger maçã said...

então fui eu que não estava atenta, descobri o graciano saga há pouco tempo...! mas tem outras giras, a "amiga i/emigrante" segue a mesma linha.

 
At 7/05/2006 04:39:00 PM, Anonymous Nelito said...

Isto é um sucesso do outro mundo...qual Pauleta qual que...Sim senhor!!! Quem tinha isto era um MISTER!


Cumprimentos

 
At 7/05/2006 05:32:00 PM, Blogger Nheca said...

Boas pessoal. Antes de mais parabéns a quem se lembrou de divulgar este grande êxito dos anos do início da década de 80 (penso que o disco é de 1982). Quero que saibam que me sinto orgulhoso por ser um dos poucos que ainda tem a "K7" original a tocar como nova. A menina "Alison Ferreira" (a filha) tem agora 20 e tal anos e está muito muito jeitosa. Soube que há poucos anos este duo editou a música com o nome "Papai... 20 anos depois" ou algo do género! Grande Jorge Ferreira...

 
At 7/05/2006 06:47:00 PM, Blogger Tino_de_Rans said...

Se Portugal ganhar essa música 15 anos depois será aqui metida ainda hoje :)

 
At 7/05/2006 07:28:00 PM, Anonymous Anonymous said...

Joe, tu vai ao médico!

 
At 7/05/2006 07:32:00 PM, Anonymous Anonymous said...

"Quero que saibam que me sinto orgulhoso por ser um dos poucos que ainda tem a "K7" original a tocar como nova."

Onde é que eu posso apanhar a nave para o vosso planeta??

Que lamechices!! Ana Malhoa ao poder!!

 
At 7/05/2006 10:14:00 PM, Blogger Tino_de_Rans said...

Adoro o pessoal que critica anónimamente...

 
At 7/05/2006 11:08:00 PM, Anonymous Fernando said...

Muito bom, e ja agora vai haver mais emissoes radio on line? como ja houve

Cumps

 
At 7/05/2006 11:47:00 PM, Blogger Menino said...

Tino, já sei que não aprecias o 'comercial', mas tenho em mãos um video do Toy em .. 1992 salvo erro, a cantar no Tal Canal uma música em alemão, com a tradicional juba. Qualquer coisa apita :)
Muito bom blog, sou apreciador deste género de canção, se bem que, confesso, mais num clima de boa disposição. Ainda assim, muito obrigado por me disponibilizares GRANDES canções. Continua a fazer ver às pessoas a diferença entre 'música pimba' e 'música popular'.

(P.S: Conheces Mário Mata?)

 
At 7/06/2006 12:59:00 AM, Blogger Tino_de_Rans said...

Claro que conheço Mário Mata, tenho ali um vinil dele, mas penso que não se pode chamar de música popular...

 
At 7/06/2006 11:28:00 AM, Blogger Barras said...

Realmente tocante!!! E a projecção de voz deste senhor é qualquer coisa!!!
E isto sim, é o verdadeiro dueto pai-filha!!!Nelo Silva e Cristiana levavam pouco a sério o dueto e transmitiam-nos muitas vezes para sentimentos quase incestuosos, mas nesta canção flúi carinho, ternura, e sobretudo, um Amor paternal enorme reconhecido e retribuído pela pequenota!!!

Bom trabalho tino!!!Os meus parabéns!!!

 
At 7/06/2006 12:45:00 PM, Anonymous Nika said...

Desculpem lá, mas acho que o momento em que ela diz "daddy" não é de todo o melhor ... a introduzir estrangeirices na nossa boa musica portuguesa?? Mas de resto, não há nada a apontar, apenas a glorificar.

 
At 7/06/2006 01:59:00 PM, Blogger padreca domingas said...

Oube lá...Tino e que tal colocares aí uma mixuquita do Zé Cabra?
Dou-te a minha benxão, se o fixeres...já biste coixa melhor em muxica pimba do que exe xenhor?
É quem xamo xempre para faxer as fextas da minha paroquia...e olha que ele fax entrar mto maix receitax para a caixa das exmolas do que os outros...eheheh
dou-te a minha benxão meu filho..

 
At 7/06/2006 02:30:00 PM, Blogger Tino_de_Rans said...

Alguém traduza sff...

 
At 7/06/2006 06:32:00 PM, Anonymous ricardo a. said...

felizmente o Graciano Saga tem bons temas, para além de desgraças com emigrantes temos o "por causa desse doutor" a história de uma familia que vê o seu filho morrer porque não tem dinheiro para pagar uma operação no estrangeiro ou o "menino do orfanato" onde qualquer semelhança com as vitimas do caso Casa Pia é pura coincidência...

 
At 7/07/2006 06:04:00 PM, Blogger Nheca said...

Ó anonymous, francamente! O nosso planeta é aquele em que existem pessoas que conhecem e falam da cultura portuguesa (feita dentro e fora de portas)... Sabes o que isso é? Pois, além de não saberes ainda criticas quem sabe... Acho melhor deixares-te estar aí no teu planeta sentadinho a ver meninas semi nuas a cantar na tv... assim sempre podes lamber a tua propria baba...

 
At 7/22/2006 12:18:00 AM, Anonymous Elfo said...

Lembro-me de ouvir esta musica tinha prai uns 11 ou 12 anos curiosamente quando o meu pai me ia levar à escola no velhinho Fiat127. lol. Boa recordação. De salientar a performance da pequena Jenny (acho que era esse o nome que estava na cassete) que está afinadissima!
Um abraço!

 
At 7/22/2006 12:18:00 AM, Anonymous Elfo said...

Lembro-me de ouvir esta musica tinha prai uns 11 ou 12 anos curiosamente quando o meu pai me ia levar à escola no velhinho Fiat127. lol. Boa recordação. De salientar a performance da pequena Jenny (acho que era esse o nome que estava na cassete) que está afinadissima!
Um abraço!

 
At 7/22/2006 12:22:00 AM, Anonymous Elfo said...

Correcção: O nome da menina é Alison.

 
At 7/22/2006 12:23:00 AM, Blogger Tino_de_Rans said...

Elfo, chama-se Alison.

 
At 8/08/2006 12:53:00 AM, Anonymous Anonymous said...

E continua a cantar igual.

 
At 8/08/2006 01:03:00 AM, Anonymous Anonymous said...

Alguen tem videos ao vivo desse artista Ferreira?

 
At 3/06/2007 04:02:00 AM, Anonymous Anonymous said...

como é possivel...que forma tão basica de transmitir uma mensagem...

 
At 5/08/2007 11:56:00 AM, Anonymous Anonymous said...

Adorei...trouxe muito boas recordações, pois foi ao som desta música que acordei durante algum tempo! Obrigado!!

 
At 5/08/2007 11:58:00 AM, Anonymous Anonymous said...

E é verdade, ainda tenho a dita cassete e continua a tocar!!!

 
At 8/14/2007 11:30:00 AM, Blogger Massivo said...

Gosto de ouvir as músicas ao mesmo tempo que vou lendo os posts. Mas desta vez não consegui. Logo após o primeiro verso cantado rios de lágrimas começaram a correr pela minha bochecha abaixo. Nem aquele pequeno apontamento humorístico do «daddy tenho de ir para a escola» sossegou a minha tristeza. Venham mais destas!

 
At 5/30/2008 08:24:00 PM, Anonymous Anonymous said...

Adoro!!! eu costumava ouvir esta musica com o meu pai, quando tinha talvez uns 5, 6anos. e hoje ouvi outra vez com o meu pai.

 

Post a Comment

Links to this post:

Create a Link

<< Home

eXTReMe Tracker